pinnacle

Home > Christopher Nolan diz que tem a "responsabilidade" de continuar a fazer filmes em grande escala
Christopher Nolan diz que tem a "responsabilidade" de continuar a fazer filmes em grande escala
Time:2023-04-08
Views:640

pinnacle

  
LIVE      

Christopher Nolan diz que tem a "responsabilidade" de continuar a fazer filmes em grande escala

pinnacle

Christopher Nolan diz que tem a "responsabilidade" de continuar a fazer filmes em grande escala

Com "Oppenheimer" a liderar a corrida aos Óscares com 13 nomeações, Christopher Nolan é o grande favorito para ganhar a estatueta dourada de Melhor Realização.

O filme custou 100 milhões de dólares, um valor "modesto" quando comparado com os 205 de "Tenet", o filme anterior, mas ainda assim um investimento muito grande para um filme parcialmente rodado a preto e branco sobre o criador da bomba atómica.

Veja aqui a lista completa de nomeados aos Óscares Ver artigo Fazer grandes "blockbusters" com acesso aos grandes recursos de Hollywood que não tenham super-heróis é um poder ao alcance de muitos poucos.

Por isso, não é de prever um regresso ao cinema independente de "Memento" (2000) e mesmo de "Insomnia" (2002) e "O Terceiro Passo" (2006), produzidos já dentro dos grandes estúdios com orçamentos relativamente modestos.

"Sinto-me atraído para trabalhar em grande escala porque sei o quão frágil é a oportunidade de mobilizar esses recursos. Há tantos cineastas por aí no mundo que dariam tudo para ter os recursos que reúno, e sinto que tenho a responsabilidade de usá-los da maneira mais produtiva e interessante”, disse recentemente o cineasta .

O cineasta elogiou dois dramas de dimensão com recursos muito mais modestos que viu recentemente entre os seus favoritos: "Aftersun" é um "belo filme" e "Vidas Passadas", este nomeado para o Óscar de Melhor filme, é "subtil de uma forma bonita".

A cerimónia dos Óscares terá lugar a 10 de março.

Carolina Deslandes partilha canção inédita: "O meu terapeuta diz que a minha cabeça é uma plateia"

Carolina Deslandes partilhou este fim de semana na sua conta no Instagram uma canção inédita, cantada a cappella. O vídeo publicado na rede social soma quase meio milhão de visualizações.

"O meu terapeuta/ diz que a minha cabeça/ é uma plateia/ de gente que me odeia./ Não é gente estranha/ É gente que é minha/ Sim eu inventei-/ Sou minha inimiga", canta a artista nos primeiros versos da canção

Na publicação, Carolina Deslandes agradece ainda ao 'Dr.Rio'. "Gosto muito de si", escreveu.

Veja o vídeo:

O meu terapeuta,

Diz que a minha cabeça

É uma plateia

De gente que me odeia

Não é gente estranha

É gente que é minha

Sim eu inventei-a

Sou minha inimiga

Uma diz-me sempre

Que nunca estou bonita,

A outra pergunta

O que é que eu que quero da vida?

Há outro que diz pra eu controlar a comida

Enquanto o resto ri e diz pra eu cobrir a barriga

Há tanta gente cá dentro,

a que vejo e a que invento ,

fico sozinha no fim.

Se as flores crescem no cimento,

eu não desisto, eu tento,

voltar a gostar de mim.

As vezes é no silêncio

que encontro tempo pra ouvir a minha voz,

Acho que o crescimento é saber que não somos o que disseram de nós.

+Escolha sua comunicação de notícias favorita. Clique aqui!

Christopher Nolan diz que tem a "responsabilidade" de continuar a fazer filmes em grande escala

Previous:Prémios Cinetendinha: veja a gala que celebra o cinema em Loulé
Next:Tadeu Schmidt dá spoiler diretamente da casa do BBB 24 e explica como será a votação do reality
related articles
pinnacle Mapa do site

1234